Quem Deve Declarar Imposto de renda 2022

Última atualização em 4 de fevereiro de 2021

Quem Deve Declarar Imposto de renda 2023? – O Brasil é um dos países que mais recolhem impostos da população. Todo esse contingente de imposto é recolhido, na sua grande maioria, de forma automática do consumidor, sem necessitar que o mesmo passe pelos processos burocráticos que fazem parte desse universo, tornando mais fácil a experiência e mais rápida também. Com isso, além de ganhar tempo, o governo consegue ter um maior controle sobre o que é arrecadado.

Partindo desse princípio, ainda existem impostos que necessitam ser declarados manualmente, e é exatamente sobre esse imposto que vamos falar hoje. Confira quem necessita declarar o imposto de renda, o que é esse imposto e muito mais. Não perca tempo, conheça mais sobre esse imposto tão presente na vida dos cidadãos brasileiros e não vacila.

Quem deve declarar imposto de renda 2023?

O imposto de renda é um dos impostos que deve ser declarado de forma manual. Nesse sentido, é muito comum confusões acontecerem, pessoas que não sabem declarar, que declaram errado ou até mesmo que nem sabem se devem declarar. Pensando nisso, decidimos ajudar você e esclarecer de uma vez por todas quem deve declarar imposto de renda 2023, confira:

Primeiramente é necessário que você saiba que todo e qualquer cidadão que tenha recebido rendimentos tributáveis cuja a soma é superior a R$ 28.559,70. Nos casos de pessoas que exercem a atividade rural, o valor da soma deve ser igual ou superior a R$ 142.798,50. Conheça as demais situações que necessitam declarar o imposto:

  • Pessoas que receberam rendimentos tributáveis na fonte ou não, cuja a soma é igual ou superior a R$ 40 mil;
  • Pessoas que obtiveram em qualquer mês do ano, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, os quais estão são sujeitos à incidência do imposto, ou realizaram operações na Bolsa de Valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  • Indivíduos que pretendem compensar, no ano calendário de 2022 ou posteriores, prejuízo com a atividade rural de anos calendário anteriores ou do próprio ano calendário de 2022;
  • Cidadãos que tiveram, em 31 de dezembro, a posse ou propriedade de bens ou direitos, incluindo terra nua, que totalizem um valor igual ou superior a R$ 300 mil reais;
  • Indivíduos que passaram à condição de residentes no Brasil, em qualquer mês, se encontrando nessa condição em 31 de dezembro;

O que é o Imposto de Renda?

O Imposto de Renda nada mais é que um imposto o qual é cobrado pela Receita Federal anualmente sobre os rendimentos de pessoas físicas e jurídicas. Nesse sentido, o imposto consiste na arrecadação proporcional ao rendimento, fazendo que pessoas que faturaram mais paguem mais e vice-versa.

Nesse sentido, o imposto contabiliza todos os tipos de rendimentos que foram adquiridos pelas pessoas físicas e jurídicas, desde alugueis, salários e investimentos até prêmios ganhados na loteria. Desta forma, o imposto pode ser dividido em duas maneiras, são elas: Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) e Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ).

O Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) é o imposto que incide sobre os rendimentos de pessoas físicas. Nesse sentido, todo e qualquer cidadão que seja residente no Brasil ou no exterior, mas que possuem rendimentos em território nacional, necessitam declarar o imposto de renda 2023. A alíquota do imposto é feita com base nos rendimentos de cada indivíduo, particularmente.

O imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) por sua vez, é o imposto que é cobrado sobre os rendimentos das empresas. Dessa forma, o imposto agora irá incidir sobre os lucros das empresas, que pode ser real, arbitrado ou presumido, onde todo irá depender do tipo de atividade desempenhado pela empresa e o seu porte. Nesse sentido, de acordo com a Receita Federal, a alíquota do imposto para as empresas desde o ano de 1996 é de 15% sobre o lucro apurado, podendo ter um adicional de 10% sobre a parcela do lucro mensal que exceder R$ 20 mil reais.

Declarações do Imposto de Renda 2023

O imposto de renda por si já é um motivo de muita dor de cabeça para muitas pessoas. Isso em virtude de diversos fatos, especialmente quando se vai realizar a declaração pela primeira vez. Porém, outro aspecto do imposto que gera muita dúvida são as declarações que podem ser feitas no imposto. De forma geral, podem ser feitas duas declarações no imposto, a declaração completa e a declaração simplificada.

Declarações do Imposto de Renda 2023

Confira cada uma delas:

  • Declaração completa

Na declaração completada é onde você tem a oportunidade de ganhar deduções no seu imposto de renda e assim pagar menos. Nesse sentido, como o próprio nome sugere, a declaração completa necessita que você preste informações dos gastos com saúde, educação, dependentes e alguns outros. Com isso, você consegue reduzir o valor final que deverá ser pago por você.

  • Declaração simplificada

Na declaração simplificada por sua vez, como o próprio nome sugere, você irá preencher uma declaração mais simples do que a completa. Nesse sentido, você não precisará informar os gastos minuciosamente de item para item. Assim, nesse tipo de declaração o que se tem é uma alíquota fixa de 20% que deverá ser abatida do valor total a ser pago no imposto. Mas vale ressaltar que você precisa se encaixar no perfil para poder solicitar dedução no seu imposto.

Sobre a restituição

Muitas pessoas recebem, mas não sabem o que de fato é a restituição recebida anualmente. De modo geral, a restituição é parte dos seus impostos que você paga todos os anos, ou seja, todos os impostos pagos por você ao longo de todo ano, até a próxima declaração do Imposto de Renda, são calculados e uma parte desses impostos são devolvidos a você por meio da restituição. Mas vale lembrar que você tanto pode ter um crédito na restituição, assim como pode ter um débito, em virtude da pouca contribuição que você pode ter dado. Nesses casos, um boleto é gerado com o valor a ser pago pelo cidadão que não contribuiu o suficiente ou o valor pode ser debitado da conta automaticamente.

Clique aqui para poder entender mais sobre Restituição Imposto de Renda 2023.

Samara

Samara

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *